quarta-feira, 29 de julho de 2009

Cansei de ser legal




Cansei de ser legal, embora ainda te ame.
Preferi não tomar nada...Cerveja tem um cheiro ruim quando cai no chão.
Preferi dançar a noite inteira a ver-te estressada.
Escolhi por tirar os sapatos apertados agora.
Quero representar num palco escuro,
Sentar e não ser a platéia crítica.
Dói Ouvir um blues sem tuas mãos por perto.
Mas escolhi os beijo mais salgados
Entre a terra e o inferno,
E continuo não gostando de pontos finais.
Ia tapar as luzes nos olhos com as mãos,
Mas escolhi participar a ter o ócio,sedativos ou cabeça não amparada.
Troquei a cerveja pelo vinho,já limpei as gotas,os cinzeiros,o rosto,
os olhos baixos, e o teu cheiro...Em vão...
Porque escolhi por tentar amar o personagem principal,
Por atuar e dizer os textos errados,
Por dizer Merda ao invés de Boa Sorte.
É que eu cansei de ser legal!

Um comentário:

  1. A gente nasce pra o que é?
    Será?
    Beijos Déa!
    Fernanda

    ResponderExcluir